Notícias
13/04/2018 – 10h03 | última atualização em 13/04/2018 – 13h21

#SaiunaTribuna: OAB/RJ lançará a nova Casa das Prerrogativas

Fonte: redação da Tribuna do Advogado
Espaço funcionará como uma central da advocacia, oferecendo equipamentos e serviços para o pleno exercício profissional
 
       
       Arte:  Raphael Carneiro  |   Clique para ampliar
 
Eduardo Sarmento
Foto: Bruno Marins |   Clique para ampliar Aberta no fim de fevereiro de 2014, a Casa do Advogado Celso Fontenelle será reinaugurada em novo local. Mais amplo, melhor equipado e totalmente preparado para suprir as demandas dos colegas, o espaço ocupa todo o 11º andar do Centro Cândido Mendes, localizado no número 10 da Rua da Assembleia, a 300 metros do Tribunal de Justiça (TJ). Prevista para maio, a abertura das renovadas instalações representará uma mudança de paradigma para os colegas que militam no Centro do Rio, promete o presidente da Seccional, Felipe Santa Cruz. “Será a maior estrutura já entregue para a advocacia no Brasil. Durante os últimos quatro anos, recebemos um grande número de advogados e buscamos oferecer cada vez mais condições para o exercício pleno da profissão, com dignidade e conforto. Com a ampliação dos benefícios, daremos, bem próximo ao fórum, suporte a colegas de todos os cantos do estado”, comemora.

Os números da nova Casa das Prerrogativas Celso Fontenelle são superlativos, especialmente se colocados em perspectiva: os 1.800m², uma área 12 vezes maior do que a atual, serão ocupados por 95 computadores para peticionamento, em contraste com os 25 disponibilizados atualmente, e 33 escritórios compartilhados, um significativo aumento em relação aos seis oferecidos hoje. Além disso, os colegas contarão com um auditório para 80 pessoas, escola de inclusão digital com capacidade para 20 alunos, refeitório e espaço de convivência.

“Percebemos a necessidade de ampliar nossos serviços e melhorar nossa estrutura. Nosso grande desafio era adequar isso ao nosso orçamento, e conseguimos todas as melhorias mantendo o custo atual. Com austeridade e criatividade, criaremos um marco para a advocacia fluminense”, prevê.
 
Foto: Lula Aparício|   Clique para ampliar
A Comissão de Prerrogativas, hoje funcionando na sala dos advogados no TJ, também será transferida para o novo local, possibilitando um melhor atendimento, com mais espaço e estrutura. “Nada mais lógico do que buscarmos um maior contato com os advogados, facilitando o acompanhamento das suas necessidades e do seu cotidiano”, justifica o tesoureiro da Seccional e presidente da Comissão de Prerrogativas, Luciano Bandeira. A saída da comissão do fórum não representará prejuízo para os colegas. No espaço utilizado anteriormente, serão instalados 30 novos computadores, um acréscimo de 150%. “Muitas vezes o advogado está trabalhando e precisa, em um curto intervalo de tempo, elaborar uma petição, checar seus e-mails ou consultar alguma legislação. As melhorias na sala possibilitarão um trabalho ainda mais dinâmico”, completa.

Uma das maiores novidades em relação à antiga casa será a abertura de uma filial reduzida da Escola de Inclusão Digital. Preparado para atender 20 alunos, o local contará com aulas sobre temas ligados à tecnologia, nos moldes das que acontecem no 8º andar da sede da Seccional. Responsável pelo espaço, a diretora de Inclusão Digital da OAB/RJ, Ana Amelia Menna Barreto, destaca a localização como um diferencial significativo. “Teremos mais visibilidade, alcançando um maior número de colegas. A era digital já é realidade, devemos integrar a advocacia à tecnologia de uma vez por todas”, diz, lembrando que o auditório com capacidade para 80 pessoas fornecerá suporte para a realização de eventos de maior porte.
 
Foto: Bruno Marins |   Clique para ampliar A parte de serviços também será incrementada na nova Casa das Prerrogativas Celso Fontenelle. Além do peticionamento assistido, os colegas terão um posto avançado do protocolo da Seccional, assessoria para preenchimento das Guias de Recolhimento de Receita Judiciária (Grerj) e para a instalação de programas utilizados no peticionamento eletrônico, wifi de alta velocidade, certificação digital, guarda-volumes ampliado e engraxate.

No espaço de convivência, denominado Esquina Sobral Pinto, serão instaladas máquinas de café, refrigerantes e petiscos, além de torres para carregamento de celular e bancadas para a utilização de laptops.
 

Atual espaço está saturado

A resolução de buscar um novo local surgiu, também, após a Seccional ouvir as demandas dos colegas que militam na Justiça Estadual. Apenas em 2017, a atual Casa do Advogado Celso Fontenelle contabilizou mais de 27 mil utilizações da Central de Peticionamento e quase seis mil agendamentos dos escritórios compartilhados. Ao mesmo tempo em que comprovam o sucesso da iniciativa, os números demonstram a saturação do espaço.

“Precisamos acompanhar sempre o que acontece no dia a dia. Há quatro anos, quando idealizamos um local ao lado do fórum para servir de base aos colegas, não poderíamos imaginar um sucesso tão grande. Ao longo do tempo, fomos observando o aumento da demanda, e percebemos que aquele espaço não bastava mais”, conta Felipe.

O presidente da Seccional aponta a crise vivida há alguns anos no país, em especial no estado do Rio, como um dos principais fatores para o aumento da demanda. Segundo ele, em momentos como os vividos hoje, é crucial a união da classe e uma participação maior das instituições. “Muitos colegas tiveram que fechar seus escritórios. Para esses, a Ordem se tornou ainda mais importante. Estamos passando por um dos períodos mais difíceis da história da advocacia, mas é justamente aí, diante das maiores dificuldades, que nos fortaleceremos e buscaremos o melhor de cada um de nós”, sublinha.
 
PUBLICIDADE
OAB/RJ - Av. Marechal Câmara, 150 - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20020-080 - Fones: (21) 2730-6525 / (21) 2272-6150
atendimento@oabrj.org.br - 2012 - OAB/RJ online - Todos os direitos reservados.